Esse é meu esconderijo.

Posso estar no mundo,

Mas é aqui que me encontro.

É nessa varanda

Que abro as portas

Que escancaro a alma.

É pra cá que eu venho

Quando o resto do mundo

insiste em chover.