Só de vez em quando



Só de vez em quando.
Uma agoniazinha
Vontade de não ser
Vontade de nada.


Só de vez em quando.
Uma paciência mais rasa
Que piscina de criança.
Mais sensível que dedo cortado
Mais menos. Muito menos.


Só de vez em quando.
Queria poder mudar.
Me mudar.
Sair do lugar.
Não estar.


Só de vez em quando.
Não querendo ouvir
Nem voz de quem mais gosto
Nem riso de criança
Nem a mim mesma.


Só de vez em quando.
Porque se fosse sempre,
Nem você me agüentaria.